sábado, 12 de maio de 2012

ENSINO RELIGIOSO - A ATRAÇÃO DA FLORESTA

 
A Atração da Floresta
A consciência do ser humano começou a se desenvolver quando nossos ancestrais viviam nas florestas, por isso a árvore é um dos símbolos mais usados nas tradições religiosas, para falar do mistério da existência. Os mitos, símbolos e ritos ligados à árvore falam da experiência de pertencer ao universo.
As tradições religiosas orais e escritas atribuem à árvore certo poder e capacidade de revelar realidades que transcendem a compreensão humana.
 


 No Egito, a deusa Hathor era representada por uma árvore celeste que com seus frutos, alimentava os mortos para dar-lhes a imortalidade.
 Na mitologia Escandinávia, o universo tem a forma de um carvalho, cujas raízes afundam na terra e a copa alcança o céu.



 
 Nos Vedas, conjunto de textos sagrados da Índia, a árvore representa o mundo. Os lugares eram sempre construídos ao lado do tronco de uma grande árvore.



 Nas culturas antigas da Mesopotâmia, a árvore sagrada era a tamareira.



 Na Babilônia, a árvore era considerada habitação de divindades.



 
Os povos, que na Antiguidade ocuparam o território que hoje é a Alemanha, cultuavam pinheiros, que cobriam de pequenas tochas. Talvez esta seja a origem do pinheiro de Natal.




 As colunas dos antigos templos são uma forma estilizada de reproduzir os troncos das árvores. O objetivo era criar a sensação de estar entrando na floresta: um espaço sagrado.




A beleza e a solidez das árvores, a proteção e o alimento que elas oferecem, criaram nas pessoas uma reverência para com elas. Mas o lugar da árvore é sempre a mata. O mistério e o risco da mata escura atraem para a emoção de enfrentar e vencer barreiras e temores, na conquista de alguma coisa grande e atraente que está reservada a quem opta pela aventura de descobrir o sentido transcendente e sagrado da vida.





A ÁRVORE DA VIDA – O UNIVERSO EM CONSTANTE REGENERAÇÃO

A árvore da vida é a própria representação do Universo em constante regeneração
As folhas caem e voltam a aparecer
Os galhos podem ser cortados e se regeneram
A própria árvore morre e renasce na semente
A árvore é símbolo da vida que se ergue
A árvore é símbolo de morte e da regeneração
Ela integra três mundos, o subterrâneo, o da superfície da terra e dos céus.
Do mundo subterrâneo extrai alimentos absorvidos pelas suas raízes.
No mundo da superfície da terra, em sintonia com todas as formas de vida
Participa com seu tronco e galhos.
E com o mundo dos céus
Comunica-se por meio da sua copa aberta que aponta sempre para a luz.
As pessoas
são como as árvores sagradas
Com seus pés bem apoiados no chão
Concretizam ações no mundo material
Com seus olhos voltados para o horizonte e seus corações pulsantes
Sentem o mundo e se irmanam a todas as criaturas
E com seus pensamentos livres e sua espiritualidade ativa
Sonham com um mundo de seres mágicos, de deuses, deusas e toda a sorte de encantados.



1.Que tal fazer sua árvore genealógica? Converse com seus familiares para conhecer dados sobre seus antepassados. 
Procure no dicionário o significado das seguintes palavras e após ter compreendido os seus sentidos ilustre livremente cada uma delas.
Representação:
Regeneração:
Renascer:
Integrar:
Subterrâneo:
Absorver:
Superfície:
Sintonia:
Copa:
Sagrado:
Horizonte:
Espiritualidade:
2. Agora se inspire e crie um poema no qual você utilizará todas estas palavras que foram consultadas no dicionário.

3. Após a conclusão dos poemas o professor os recolherá e os distribuirá de modo que nenhum aluno receba seu próprio poema.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário